“Eu estou fazendo de novo. Enquanto o resto do mundo dorme, eu continuo aqui, sentada no escuro, escrevendo. Sei que havia prometido que isso nunca iria acontecer, mas aparentemente, não existe como se controlar essas coisas. Não estava nos meus planos me apaixonar por você. Nunca quis precisar de ti para sorrir. Eu sei que ter uma felicidade que depende de alguém nunca é a escolha certa. Nunca é uma escolha. E talvez seja por isso que está me tirando o sono. Porque mesmo se eu pudesse decidir, minha escolha seria você. No meio da festa com aquele monte de gente sem graça, é você. Quietinho, encolhido em um canto, é você. Sorrindo, com a mão na minha cintura, é você. Eu olho seu rosto simétrico e tenho vontade de chorar. Mas não lágrimas soltas, daquelas bobas que a gente nem sabe porque aparecem. Chorar mesmo, de soluçar. Porque eu gosto tanto da maneira que você fala meu nome e seus dedos se encaixam tão bem no espaço entre os meus, que eu sei que vou morrer mil mortes quando você me deixar. Você tomou tempo para me curar. Teve paciência para esperar que cada uma das minhas feridas cicatrizassem. Repito quantas vezes eu puder: você é o meu anjo. Foram os teus olhos negros que me salvaram de mim mesma. Eu implico um pouquinho com você só pra não perder o costume, só pra você não perceber que eu olho aquela pintinha que você tem no nariz e sinto meu coração pular, porque até a coisinha mais simples em você parece tão bonita. E você aperta minha coxa só pra gente não parecer aqueles casais velhos que nem precisam se tocar, já basta ficar pertinho, sentindo o calor que emana do outro. Embora a gente seja bem assim. Nunca achei que pudesse amar alguém tão profundamente depois de tanto tempo. Todos sempre me diziam que o melhor casal do mundo é aquele que antes de ser casal, é amigo. Então, por mais perfeita que sua mão fique sobre a minha, eu digo que seus dedos são tortos e deito minha cabeça sobre o seu ombro. Só pra você não ir embora. Só pra você não se assustar com meu jeito e me deixar. Só pra você me amar mais um pouquinho.(Neline)





“Era engraçado porque, toda vez que ela me fazia sorrir ou rir, eu sentia uma vontade incontrolável de explicar pra ela o quanto eu a amava.”

Caio Fernando Abreu. (via procenio)





“Te espero para ver se você vem,
não te troco nessa vida por ninguém.
Porque eu te amo, eu te quero bem.”

Tim Maia.  (via procenio)



“Pros erros há perdão; pros fracassos, chance; pros amores impossíveis, tempo. De nada adianta cercar um coração vazio ou economizar alma. O romance cujo fim é instantâneo ou indolor não é romance. Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar. Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando, porque embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu.”

Luis Fernando Veríssimo.    (via procenio)







blackbarmitzvahs:

Can you imagine the conversation though?

Queen: I’m going

Chief of Staff: But, Your Majesty, the security risks…

Queen: I’m going I want cake 

Chief of Staff:

Queen: 

Chief of Staff: 

Queen: I want cake



ICF
Watching: How I Met Your Mother
Reading: Olho por olho
Listening to: Poison and wine - Civil War



UPDATES